26 de mar de 2014

De Todos os Amores


Dentre as mais belas cores
de todos os amores
um novo me apetece,
É o ser qu'inda não veio
e virá, pois, do meio
d'um Amor que não adormece;

Em tua mais pura forma
de pouco se transforma
no mais belo estandarte,
E qual distinto raio
 atinge de soslaio
toda intensa parte;

Se dentro de uma flor
semeia-se outro Amor
não haverá mais fim...
De todos os amores
nenhum terá tais cores
quais que nosso jardim.


Thuan B. Carvalho

2 comentários:

  1. Maravilhoso! Penso que dedicado a um filho já nascido ou mais provável oe que está para vir...Lindo e terno!
    beijo
    Graça

    ResponderExcluir
  2. Meu amor,
    A tarde, o sol arde.... e as cores tornam-se mais cintilantes!!

    ResponderExcluir