17 de set de 2012

Saúde!


Marcar um encontro consigo
Jamais será desespero,
É mais adejar o abrigo
Que lhe competirá por inteiro;

Quem consegue enxergar em si
O destino da própria morada,
Crê que a vida é jocosa, e até ri
Muitas vezes da mesma piada;

Encontrar pelas ruas um pouco
Da magia atroz de ser louco
Por estar simplesmente a vagar,

Perder toda a noção de espaço
Brindar ao próximo passo
Mas saber por onde pisar.




Thuan Bigonha de Carvalho

3 de set de 2012

Onde Mora o Segredo


A magia que te tenho
É por demais abstrata,
Se calhar - não é desdenho
Nem lhe atinge a catarata;

Ao mirar-te, resplandeço
Chispo de dentro pra fora,
Em verdade, me conheço
Desse olhar que te enamora;

Esse meu olhar cravado
Que de muito te falar
Permanece calado;

Esse meu olhar escuro
Que de tanto brilhar
Livrar-te-á do apuro.




Thuan Carvalho.


*Confira o homônimo poético em: http://revelaresentir.blogspot.com.br